Prisão foi feita em Três Lagoas (MS).

Crime foi registrado em abril durante uma fiscalização de rotina na Rodovia Marechal Rondon em Guaiçara (SP); vítima era de Araçatuba (SP).

Policial morre após ser atropelado por motorista que furou fiscalização em rodovia de Promissão J.

Serafim/Divulgação O homem suspeito de atropelar e matar um cabo do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) de Araçatuba (SP) foi preso, nesta quarta-feira (8), em Três Lagoas (MS).

De acordo com a Polícia Rodoviária, a prisão foi realizada por uma equipe da Polícia Civil de Lins (SP).

O atropelamento foi registrado em 28 abril, durante uma fiscalização de rotina na Rodovia Marechal Rondon, em Guaiçara (SP).

Na época, o cabo Hércules Demétrio Pereira deu ordem de parada para o motorista de um carro carregado com 300 quilos de maconha.

No entanto, o condutor acelerou o veículo e atropelou a vítima e outro policial.

De acordo com a Polícia Rodoviária, ambos foram socorridos e levados a um hospital.

Contudo, Hércules não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo do cabo foi enterrado em um dia depois da morte em um cemitério de Araçatuba.

A cerimônia contou com homenagens de companheiros de serviço. Bombeiros e policiais prestaram homenagens durante velório em Araçatuba Rafael Ferraz/TV TEM Veja mais notícias da região em G1 Rio Preto e Araçatuba